Programa Imperdível em Lima: Parque de La Reserva e seu Circuito Mágico del Água !

Quando começamos a planejar nossa viagem para o Peru vimos vários menções ao “parque das águas” ou ao “parque das fontes” e fomos buscar mais informações. Mas nada do que encontramos foi capaz de descrever o quão legal é esse parque. Vou tentar passar aqui para vocês um pouco do que vimos por lá:

O parque fica bem ao lado do Estádio Nacional. O acesso é bem fácil pelo BRT Metropolitano, com uma estação em frente (Estación Estadio Nacional), ou de taxi, que é bem barato em toda a cidade.
O City Sightseeing de Lima também tem uma parada lá.

O nome do parque é uma homenagem aos reservistas que defendiam a cidade de Lima na Guerra do Pacífico, contra o Chile.
Um grupo de civis se juntou ao exército de reserva, e lutaram para defender Lima nas Batalhas de San Juan e Miraflores, nos dias 13 e 15 de janeiro de 1881. Essa reunião foi feita na área do atual Parque de la Reserva.
Foi originalmente um parque de exposições e só mais tarde tornou-se parque. Na década de 1960 ficou completamente abandonado e em 1990 suas fontes e demais instalações ficaram praticamente destruídos.
Em 2006 foi recuperado e reaberto ao público em 26/07/2007.

São 13 fontes interativas, com  muitas cores e música. Fomos no frio e o parque ja estava relativamente cheio. No verão é ponto de encontro dos moradores de Lima e de seus visitantes, com horário de funcionamento ampliado.

Você deve estar achando tudo isso muito bobo, mas acredite, o parque é muito legal e as risadas são garantidas. Dê uma olhada nesse fonte ! Muitas gargalhadas vendo o pessoal se molhar em uma noite super fria.

O único inconveniente é que a fonte que tem espetáculos foi fechada pro problemas técnicos antes do último show do dia, e nós ficamos na vontade 🙁

Para quem quiser, principalmente quem estiver com crianças, tem um trenzinho que dá a volta em boa parte do parque.

Vai por mim … valerá o passeio ! 😉 Foi, com certeza, a parte que a pequena mais gostou! A única mudança que eu faria é quanto ao horário de visitação. Gostaria de ter ido mais no final da tarde e visitar o parque ainda de dia e estender até a noite, e não só durante a noite … 🙁

Mais informações no site oficial do parque.

Endereço completo: Avenida Petit Thouars Esquina con el Jirón Madre de Dios, Centro de Lima.

By | 2014-04-04T20:56:31+00:00 janeiro 24th, 2014|Categories: América do Sul, Lima, Peru|8 Comments

About the Author:

Renata Luppi: Mãe, esposa, filha, irmã mais velha, inquieta, curiosa, viciada em chocolate e coca-cola e, acima de tudo, cheia de manias !!!

8 Comments

  1. […] sobre a Guerra do Pacífico aqui no blog quando falamos do Parque Reducto 2 e sobre o Parque de la Reserva, em […]

  2. Alice 14/02/2014 at 6:15 PM - Reply

    Adorei o post, nem tinha ideia que tinha lago tão bacana pra fazer em Lima.
    bjs

    • Renata Luppi 15/02/2014 at 12:01 AM - Reply

      Oi Alice !
      Lima foi uma surpresa muito boa para nós. Com certeza voltaremos.
      Tenho certeza que você também vai gostar !
      Bjs

  3. Kátia Braga 27/01/2014 at 4:36 PM - Reply

    Adorei o post Renata! Pra mim foi super novidade. Nunca tinha ouvido falar desse parque. Ótima dica!!! As fotos estão ótimas também!

    • Renata Luppi 14/02/2014 at 4:47 PM - Reply

      Obrigada, Kátia ! O parque também foi uma – ótima- supresa para nós!

  4. Boia Paulista 27/01/2014 at 10:35 AM - Reply

    Oi, Rê. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia

    • Renata Luppi 27/01/2014 at 1:41 PM - Reply

      Oba, Boia !
      Ficamos muito felizes !\o/\o/\o/\o/\o/
      Obrigada e volte sempre ! 😀

Leave A Comment

Captcha loading...

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/malainquieta/www/wp-includes/functions.php on line 3743

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/malainquieta/www/wp-includes/functions.php on line 3743